Às 13:31h do primeiro dia de aulas, sem saber muito bem ao que ia, começou o que futuramente ia ser uma das minhas melhores lembranças da vida académica, a praxe, e até hoje não podia estar mais agradecida pela decisão que tomei.

Sei que a praxe é diferente em todas as universidades, mas o espírito de integração e a união que se cria é semelhante em todas. Nunca vivi situação de violência nem nada do género como a sociedade afirma, apenas a transmissão de valores de respeito e união que com certeza nos tornam pessoas melhores e que sabem respeitar o próximo.

Não há palavras que descrevam o que se sente quando no final da praxe somos batizados pelos nossos padrinhos e criamos laços para toda a vida, só quem a vive sabe o orgulho que se sente quando se veste o traje académico pela primeira vez na noite da serenata.

Não podia estar mais orgulhosa ao carregar a capa negra ao ombro.Sei que muitas pessoas não compreendem, mas na vida não nos podemos basear na opinião dos outros mas sim naquilo que vivemos, e sei que no inicio pode parecer difícil e muitos pensam em desistir da praxe, mas por favor não o façam.

Todas aquelas noites a encher e a ouvir as repreensões dos Doutores e Veteranos, as noites quase sem dormir, todo o esforço e cansaço vão ser compensados com os valores transmitidos e pelas experiências que vivemos ao longo daquelas semanas, pelas noites de convívio nos bares até tarde, por todos os amigos que fazemos, pelas quartas académicas e por cada vez que cantamos o Haka até ficarmos com nódoas negras nas pernas de tanto batermos para nos fazermos ouvir.

O tempo passa e o medo que senti do desconhecido ao início quando cheguei a Mirandela torna-se no medo de saber que em breve está a chegar o fim, a saudade aumenta e o agradecimento a esta cidade também, todas as ruas contam uma história que ficará para sempre na memória dos que por ali passam, os sorrisos e as lágrimas que fazem parte da alma desta cidade vão deixar saudade, agora sim, sei porque são os melhores anos da nossa vida.

Obrigado Cidade Jardim, és sem dúvida a mais bela do meu país, a mais bela dentro de todos os que que acolhes de braços abertos desde o primeiro dia.

Similar Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *